O “Estilo dos Cinco Animais”: Choy Lay Fut


O Choy Lay Fut é um dos estilos de Kung Fu mais conhecidos e praticados no mundo. Ficou amplamente conhecido por sua praticidade e efetividade em combates. Essa fama foi conquistada nas primeiras décadas de vida deste estilo, pois a China passava por diversas batalhas internas e os praticantes de Choy Lay Fut precisaram colocar em prática as suas técnicas.

O Choy Lay Fut foi criado e desenvolvido pelo grande mestre Chan Heung em 1836. Chan Heung teve três mestres, ou seja, aprendeu três estilos diferentes de Kung Fu antes de desenvolver o seu próprio estilo. Durante o século XIX, a China passou por diversos conflitos internos, quando muitos mestres de Kung Fu foram caçados e mortos pelos governantes da Dinastia Qing. Logo, Chan Heung somou todo o seu aprendizado e suas experiências para desenvolver um estilo totalmente voltado ao combate. Ou seja, o Choy Lay Fut foi criado para a guerra, exatamente quando podemos lutar contra um ou mais oponentes.

Uma das características do Choy Lay Fut é, justamente, a praticidade de transformar qualquer movimento em ataque ou em bloqueio. Facilitando, assim, os movimentos dos praticantes em combates com muitos adversários ou em lutas em becos e em lugares com pouco espaço. As sequências de movimentos que constantemente mudam de direção nas formas (katis) de Choy Lay Fut comprovam a ideia de estarmos lutando sempre com diversos oponentes.

O Choy Lay Fut possui golpes bem característicos. Dentre os principais golpes, podemos destacar cinco técnicas que, de certa forma, definem o Choy Lay Fut. As técnicas de tigre (Fu), pantera (Pow), dragão (Lung), serpente (Sey) e garça (Hok) fazem o Choy Lay Fut ser conhecido como o “Estilo dos Cinco Animais”. Existe o estilo do tigre, existe o estilo da garça, existe o estilo da serpente, existem diversos estilos de Kung Fu baseados em animais. Entre todos os estilos imitativos, poucos concentram as técnicas de vários animais como Choy Lay Fut. Em quase todas as formas de Choy Lay Fut podemos encontrar as técnicas dos cinco animais que se repetem frequentemente.

Vamos analisar brevemente os cinco animais do Choy Lay Fut:
  • Podemos ver que os movimentos de dragão são “poderosos”, robustos e de curta distancia em um combate corpo a corpo. Também, há técnicas de dragão usando armas no Choy Lay Fut (bastão e lança, por exemplo) e essas técnicas são de longa distância em um combate. Os dragões são animais chineses míticos, fortes, possuem um espírito de luta invencível e são sinônimos de sabedoria. Seja com armas ou com as mãos livres, não é fácil representar o “poder” de um dragão em uma técnica, mas, quando bem aplicadas, as técnicas de dragão podem acabar com a luta.
  • Já os ataques e bloqueios de serpente são velozes e precisos. Os ataques sempre miram os pontos vitais ou pontos de pressão do oponente, atacando com as pontas dos dedos. As serpentes são animais flexíveis, ágeis e precisas quando estão em combate, logo, tentamos copiar estas características quando executamos técnicas de serpente no Choy Lay Fut.
  • O tigre é conhecido por sua força física, coragem, poder, ferocidade, mente alerta, ataque rápido, controlando e derrotando a sua presa. As técnicas de tigre seguem estes mesmos princípios, agarrando, golpeando ou rasgando o oponente. Arranhar o rosto, agarrar membros ou pescoço, golpear com a palma antes que os dedos pressionem o alvo, todos esses detalhes fazem da “garra de tigre” uma técnica tão feroz quanto o próprio animal.
  • Ágil e agressivo o “punho da pantera” é uma técnica bem característica do Choy Lay Fut! Os ataques são rápidos e, muitas vezes, em sequência, além de sempre mirarem pontos vitais ou de pressão do corpo do oponente. As técnicas de pantera exigem certa coordenação, força e resistência nos punhos do praticante. Ser preciso, feroz, forte, ágil, versátil e discreto como uma pantera de verdade, essa é a intenção dos lutadores ao imitar esse animal.
  • A garça é conhecida pela longevidade, paciência, equilíbrio, foco, concentração, além de ser um símbolo de boa sorte. Mesmo sendo um animal aparentemente dócil e frágil, a garça também é ágil, habilidosa, precisa e feroz ao atacar sua presa. As técnicas de garça do Choy Lay Fut também são rápidas e precisas para golpear os pontos vitais e de pressão do oponente. Os movimentos amplos, circulares, leves e sutis das técnicas de garça surpreendem o oponente com golpes explosivos que podem nocautear.

Como podemos ver nos parágrafos anteriores, as técnicas dos “Cinco Animais” do Choy Lay Fut são poderosas, práticas e efetivas em combate, assim como, os próprios animais contra as suas presas. Logicamente, saber a técnica não lhe transformará em um lutador invencível. É preciso treinar muito, praticar com parceiros, saber usar as pernas, as posturas, o quadril, o tronco juntamente com as técnicas dos animais para que os movimentos tenham efetividade real. Treinar o corpo todo é fundamental e muito importante no Choy Lay Fut.

Chan Heung praticou, estudou, testou e concluiu que as técnicas de garça, pantera, tigre, serpente e dragão são, realmente, efetivas e poderosas. Logo, ele não teve dúvidas em incluir estas técnicas em seu próprio estilo de Kung Fu. E, assim, o Choy Lay Fut ficou conhecido como o “Estilo dos Cinco Animais”.

Há técnicas de outros animais diferentes no Choy Lay Fut, mas isto é assunto para outro artigo. Espero que este artigo tenha lhe ajudado de alguma forma. Deixe seu comentário, dica, sugestão ou opinião nos comentários abaixo. Também quero aprender mais sobre o Choy Lay Fut e, talvez, o seu comentário possa me ajudar. Vamos aprender juntos!

Comentários

Veja Também:

Equipamentos de Proteção: Porque e Como Manter a Identidade Visual do Sanda

Parabéns ao Kung Fu Brasileiro - Homenagens 2018

Entre em contato!


ATENÇÃO! Por favor, preencha todos os campos abaixo.

Seu Nome:

Seu E-mail:

Sua Mensagem: